E os rótulos (ainda) estragam o recrutamento.

Desde os primórdios da humanidade, nós vivemos em grupo. Somos seres gregários (Que se agregam e vivem em sociedade).

E, todo grupo tem diferenças entre seus membros.  Às vezes muito grandes ( grupo heterogêneo), às vezes menores (um grupo homogêneo). Mas sempre, SEMPRE, as diferenças estão lá.

E conviver com as diferenças sempre foi igualmente difícil para boa parte dos membros destes grupos, que chamamos hoje “sociedade”. Talvez por estas pessoas acreditarem que aqueles que se assemelham ao seu perfil sejam as mais “adequadas” – em uma provável reação instintiva, de defesa. Não sou antropólogo, por isso já adianto tratar-se de uma inferência pessoal.

Em resumo, querer colocar todas as pessoas “no mesmo balaio”, é coisa antiga.

Agora, junte esta informação com outras constatações:

  • O mundo vive hoje um momento muito diferente de todos os que vivemos até agora
  • O advento das redes sociais trouxe a exposição das diferenças (para o bem e para o mal) a um nível que pode comprometer o julgamento das pessoas menos preparadas.
  • O imediatismo das empresas, com a visão que privilegia resultados de curto prazo, que faz os fins justificarem os meios
  • O despreparo e/ou a falta de recurso das estruturas de recrutamento

Tudo isso acelera o prpocesso de “rotulação”. Algo que as gerações anteriores estavam acostumadas em seus pequenos grupos – Escola, Trabalho, Amigos – hoje pode tomar proporções exponenciais e tirar profissionais extremamente qualificados de um processo seletivo, antes mesmo do envio do CV.

A automatização dos processos potencializa esta piora. Estamos sistematizando a rotulação de profissionais.

Uma combinação terrível em uma estrutura de recrutamento é preguiça + despreparo. Isso acaba com a marca empregadora e destrói uma cultura corporativa, que levou décadas para se consolidar.

Não rotule ninguém de véspera. Se o CV tem potencial, faça a entrevista.

Escute as pessoas, interaja de verdade, mergulhe nos seus processos seletivos e nas pessoas que participam deles.

Traga a alma de volta ao recrutamento.

Boa sorte.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s